Fim de 2014, o que esperar para 2015?

afe_torcidaO ano acabou. A Ferroviária não jogará mais em 2014. Após uma campanha brilhante na primeira fase da Copa Paulista, o time morreu na segunda parte do torneio e disse adeus para 2014, de forma melancólica e preocupante.

Neste ano, vivemos a euforia de um possível acesso que não veio. Não veio por vários motivos, dentro das quatro linhas e extra campos. Desde o início da formação do elenco, a torcida alertava pela falta de um camisa 10 autêntico, não nos escutaram mais uma vez. Tivemos bons jogadores neste ano como Alan Mineiro que, junto do zagueiro Alcides, foram os destaques da equipe grená e que, muito provavelmente, retornarão para 2015. O volante Milton Junior, o zagueiro Sandoval e a revelação do jovem, mas grande, goleiro Alexandre Cajuru, outro que está nos planos da diretoria para a Série A2. Estes foram os nomes que, a nosso gosto, poderiam ser aproveitados no ano que vem.

Os tempos de outrora, tardam a voltar para nossa querida Ferroviária. São 19 anos vivendo a angústia do descenso de 1996. Não há torcedor que aguente. Ficamos tristes ao lembrar dos tempos de Bazani, Douglas Onça e Wilson Carrasco. Dos tempos que calamos a boca de jornalistas no Sul do País. Quando ganhávamos da máquina Santista liderada por Pelé. É, da saudade. Ainda mais para nós, jovens torcedores, que não chegamos a ver momentos tão brilhantes a não ser por histórias contadas e áudios da época.

Que a diretoria olhe para o senhor que vai ao estádio com o radinho, eterno companheiro, no ouvido. Olhe para os pais que querem deixar para os filhos, a mesma Ferroviária que seus pais o deixaram. Que olhe para estas crianças que, mesmo com tanta decepção, não deixa de amar e ir ao estádio acompanhar o clube do coração. Olhem por todos nós. Somos nós que ainda fazemos da Ferroviária, grande. Gigante pela tua história. Somos Ferroviária de Araraquara. Somos grenás de coração. Somos uma Locomotiva louca para entrar nos trilhos.

Que venha 2015, alimentar nossos sonhos e, quem sabe, concretizá-los. Vamos, Ferroviária. Ressurja de suas próprias cinzas. Volte a ser o que sempre foi.

Ferroviária, amo você!

Advertisements

About Willian Bizarro

23 anos, formado em Comunicação Social (Jornalismo) pela Universidade de Araraquara (UNIARA). Afeano, palmeirense e torcedor do Liverpool, sendo grande amante do futebol inglês e do interior paulista.
This entry was posted in Uncategorized. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s